Contrate especialistas tech para o seu Conselho

Tempo de leitura:
Compartilhe:

E deixe o futuro sentar na sua mesa

Texto de Pyr Marcondes, Senior Partner da Pipeline Capital Tech.

Já comentei que entendo fundamental a diversidade para os conselhos empresariais de hoje em dia. Isso porque homens brancos podem até saber muita coisa, mas jamais saberão identificar e interpretar, por não terem vivido, os valores, expectativas, desafios e situações de quem não é homem e branco.

Mulheres, negros e todos as demais variantes da nossa tão rica e diversificada sociedade contemporânea precisam porque precisam estar representados nos conselhos. Me parece no brainer.

Temos visto casos emblemáticos em que essa percepção começa a ser empregada na prática, mas quero aqui, numa linha parecida, alertar os conselhos para algo não menos indiscutível: é preciso ter especialistas de tecnologia nos conselhos hoje. Entendo que poderia concluir aqui este texto, por óbvio, mas vou um pouquinho mais adiante, para quem não entendeu o que deveria ser indiscutível.

O mundo contemporâneo é integralmente movido por tecnologia. Não há atividade humana, nem empresarial, que não seja hoje anabolizada ou integralmente acelerada e viabilizada pela tecnologia.

Um Conselho que não tenha especialistas em tech vai comer bola atrás de bola, porque neste âmbito de poder das empresas, em que decisões importantes e vitais para o destino das companhias são tomadas, não contar com o approach de quem conhece tecnologia de perto e consegue enxergar pelo menos um pouco para onde vai o futuro, é de uma miopia sem tamanho.

A ideia de escrever sobre isso veio de uma conversa com meu amigo Ricardo Cavallini, que é um desses especialistas em tech e futuro, após constatar que skills como os que ele tem e domina não tem assento nos conselhos das companhias. Ele e eu ficamos surpresos e inconformados com isso, daí este texto.

Os conselhos entendem-se, usualmente, como instâncias superiores em que um conjunto de pessoas com conhecimento e bagagem fora do habitual e de alta qualificação, se reúne para deliberar sobre prioridades e determinações que têm o poder de mudar, muitas vezes, os destinos do negócio. Tudo certo, é isso mesmo.

Mas há um véu de caretice, obsolescência e naftalina no conceito de constituição de conselhos, que rescende a antigo, preconceituoso e ultrapassado. Caretões reunidos vão tomar decisões caretonas, que não servem mais num mundo que só atropela caretas.

A experiência é bem vinda. A sabedoria de jornadas constituídas é bem vinda. Mas sem contemporaneidade, os conselhos se deixarão atropelar por uma realidade que é tecnológica e exponencial.

Bom, voltando ao óbvio: contrate especialistas de tecnologia para o seu Conselho. E deixe o futuro sentar na sua mesa.

O texto completo está em Proxxima, dezembro de 2021.

 

Nós da Pipeline Capital Tech, somos Capital Tech Driven. O que move a economia é o capital. E o que move o futuro é a tecnologia. A Pipeline Capital é uma empresa de business excellence para um mundo capital tech driven. Somos empreendedores por natureza e história. Nosso DNA é digital. E onde a inovação fizer avançar o mundo dos negócios, estaremos lá.

 

 

Acompanhe novidades através do site https://pipeline.capital
e também do LinkedIn
e do Instagram

Compartilhe:

Últimas Postagens

Pipeline Capital e digitaliza.ai lançam o primeiro Scape Report interativo

A Pipeline Capital, empresa global de fusões e aquisições com foco em tecnologia, criadora dos Scape Reports, que se consolidaram como um guia de

Pipeline Capital é advisor da Vianuvem na sua venda para a Unico

  A unico, IDTech brasileira de soluções de proteção de identidade visual anuncia a compra de 100% das operações da Vianuvem, startup de gestão

Crescimento do setor de Fintech

E a Scale Ventures como oportunidade de investimento neste mercado O setor de fintech tem experimentado um crescimento exponencial nos últimos anos, impulsionado pela

Mercado de M&A é como um filme

O mercado de M&A (fusões e aquisições) possui uma jornada que pode ser vista como um filme composto por várias cenas, e não apenas

Pipeline Capital lança seu primeiro Scape Report na Europa

A empresa especializada em M&A no setor de Tech já elaborou anteriormente outros Scape Reports com o objetivo de oferecer uma compilação das empresas

M&A no setor de tecnologia: desafios e oportunidades

As fusões e aquisições (M&A) no setor de tecnologia têm se destacado como uma poderosa ferramenta para empresas que buscam inovação, expansão e competitividade.

Connect to the best of M&A world Subscribe to our Newsletter

Pipeline Podcast “Papo de M&A”

Pipeline Capital’s podcast on mergers and acquisitions, innovation and technology.